Brasil é o país mais procurado, na América Latina, para a realização de reuniões de negócios

O Brasil segue líder no ranking dos países latino-americanos que mais realizaram congressos e eventos de negócios em 2018. A constatação é de um estudo, divulgado na segunda-feira (13), pela Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA). Em todo mundo, o país está entre os 20 destinos mais procurados pelos executivos para a realização desse tipo de evento, ocupando a 17ª posição, uma a menos que a obtida em 2017. São Paulo, Rio de Janeiro e Foz do Iguaçu foram os principais destinos brasileiros.    

O relatório apontou, ainda, que em 2018 foram realizadas 12.937 reuniões em todo o mundo, um aumento de 3%, comparando com o ano passado quando o número foi de 12.558. Este foi o maior número de eventos registrado desde que o instituto começou a realizar o levantamento. O Estados Unidos continua sendo o país que mais recebe congressos e convenções de negócios seguido por Alemanha, Espanha e França.

Dados do Ministério do Turismo apontam que, do total de turistas internacionais que visitaram o Brasil em 2017, 15,6% foram motivados por negócios, eventos e convenções. Os principais destinos foram: São Paulo (44,4%), Rio de Janeiro (23,6%), Porto Alegre (4,2%), Curitiba (4,1%), além de Brasília e Campinas com 3,3% cada. O gasto médio per capita, por dia, desses viajantes foi de US$ 90,10.

ICCA – A Associação Internacional de Congressos e Convenções representa os principais fornecedores mundiais no manuseio, transporte e acomodação de reuniões e eventos internacionais, e inclui mais de 1.100 empresas e organizações associadas em quase 100 países em todo o mundo.

O documento anual de classificação de países e cidades da ICCA é a comparação global mais respeitada do desempenho dos destinos na atração eventos internacionais. Ele abrange um segmento restrito da indústria de reuniões, incluindo encontros de associações que alternam entre pelo menos três países, tendo, ainda, comprovação de pelo menos 50 participantes e sendo realizados regularmente. A ICCA também identificou uma tendência de 50 anos de crescimento exponencial no número de reuniões de associações, pois a estimativa dobrou a cada 10 anos, representando o fortalecimento desse mercado. 

Fonte: MTur

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *